terça-feira, 30 de junho de 2009

Sintonia


Caem as letras, uma a uma...
Cai a nossa roupa, espalha-se pelo chão,
Rebolam os versos nos nossos corpos
Em alegre sintonia.
Sinto-te na minha carne, quente...
Entras devagar, dentro de mim
E sacias-me a fome e o querer.

Transpiras-me,
Inspiras-me!

Realizo-te as fantasias mais loucas
Numa entrega indiscreta,
E quente, ardente...
Tomo-te e imaginas-me tua.
Inventamos caminhos indecentes
Para percorrermos juntos
E chegarmos, loucamente, ao fim

por Vera Sousa Silva
fotografia de autor desconhecido

6 comentários:

Marta disse...

E, não é a fantasia mais louca a que mantém a chama mais viva???
A que te inspira e te fez desejar ainda mais???
Beijos e abraços
Marta

Indie disse...

os deuses inventaram o amor para castigar os homens - reflexão hindi

título, foto e versos numa trilogia divinal. adorei

Pedro M disse...

Ohhh Marta...

A fantasia mais louca mantém a chama mais viva fazendo-nos arder de desejo :-)

Um beijo

Pedro M disse...

Minha querida Indie...

e imagina castigo mais doce?

Um beijo

Indie disse...

meu divino Pedro,
tudo o que é bom acaba, esse é o castigo :(

Pedro M disse...

Minha querida Indie,

Um eterno castigo, porque o amor se pode encontrar mais do que uma vez na vida.

Um beijo